São Paulo cheirosa

Publié le par alinemariane

Odeio cigarro. Nao suporto a poluiçao, o mau-cheiro, a industria, o vicio, o alto preço... enfim, odeio mesmo. Eh uma das coisas que me tira do sério, que me deixa P da vida, que me faz rodar a baiana!

cigarroNinguém na minha familia proxima fuma. Quase nenhum amigo brasileiro fuma. Nunca coloquei um cigarro na boca, nem nunca pensei em fazer isso. Por outro lado, todos os amigos franceses fumam. O Loic parou de fumar por condiçao minha (ou para de fumar ou nao namora!). Toda minha belle-famille fuma. E quando digo que nao fumo, escuto "Ah, parou?" como se nunca ter fumado fosse como nunca ter pecado...

Minha sorte é que na França é proibido fumar em locais fechados. Mas nao inclui a casa das pessoas, entao me preparo para cabelos fedidos quando a soirée é na casa de alguém. Em soirées em bares ou restaurantes, acontece das pessoas sairem pra fumar e so eu ficar na mesa, a unica nao fumante, a anti-social.

No Senegal nao ha restriçoes, pode-se fumar em qualquer lugar, até no ônibus. Imagine o meu estresse. Perdi as contas de quantos taxistas tive que pedir para apagarem o cigarro. O auge foi um chilique no escritorio, quando estipulei a regra de que se ha pessoas nao-fumantes na sala, nao se fuma la.

Sao Paulo era um meio termo. Era. Voltei essas férias com a lei anti-fumo em vigor e, aahh, que maravilha!!! Ninguém fumando nem no Terminal Tietê, nem nas plataformas da CPTM, nem na USP, nem em bares. Os paulistanos mereciam poder voltar pra casa da balada sem ter os cabelos defumados!
lei-anti-fumo
Junto com a lei Cidade Limpa, foi uma das melhores ideias que aconteceram na terra da garoa!

Publié dans em português

Commenter cet article

Helena 25/01/2010 03:38


Eba, finalmente consegui voltar a ler o teu blog! Sério, o que foi que houve com o Over-Blog?

Ah, eu também adoro essa lei e fico feliz que funciona aqui. Esses dias mesmo, voltando de um bar, pensei: coisa boa não precisar ir correndo tomar um banho só para tirar o cheiro de fumaça dos
cabelos... já os franceses não estão nem aí com os não-fumantes, me dá essa impressão. Na Espanha, pelo pouco que vi de lá, parece que é igual. O pessoal fuma até em ônibus em alguns lugares, mesmo
sendo proibido... 


Amanda 24/01/2010 21:51


Puxa, semana passada acredita que tinha um cara fumando dentro do meu ônibus? E ninguém fala nada, pq se alguém é capaz de quebrar as regras fumando no ônibus, é pq ta querendo encrenca e esta
disposto a ir bem longe na briga. Um desrespeito!


Henrique 24/01/2010 15:56



Também não fumo, nem nunca fumei, e odeio o cheiro de cigarro impregnado na roupa e cabelo. Infelizmente, assim que São Paulo tornou-se uma cidade um pouco mais civilizada, já vim para Dakar. Não
fosse o alto preço do cigarro, haveria muito mais fumantes por aqui! Além do cigarro do taxista, é preciso aguentar o volume alto!



Mariana 23/01/2010 01:28



Aline, também sou super a favor dessa lei!!! também não fumo, muito embora ja tenha experimentado, e acho que ambiente fechado definitivamente não é lugar de cigarro aceso. Quando estava gravida,
ficava até enjoada se sentisse o cheiro da fumaça! E fiquei chocada com a situação do tabaco aqui na França... é adolescente fumando como se nada fosse e até mulheres gravidas, bem barrigudas,
fumando em publico; como se não houvesse problema algum nisso!
Fala sério!!! e a nuvem de fumaça que eu tenho que atravessar para entrar no prédio da facu? é uma verdadeira cortina!!! acho que a francesada exagera no cigarro... não é a toa que a campanha
anti-tabagista do governo parece um filme de terror....
bjus!



cristiane 22/01/2010 22:14


eles aqui na europa fumam muito. no brasil era um meio termo, pq a lei tb era um meio termo em relação aqui, q podia tudo. Ainda tenho vizinho q fuma no elevador. fico revoltada!

a lei aqui mudou qd cheguei, o q foi ótimo pra mim! não tem coisa pior q comer num restaurante com aquela fumaça toda. deus me livre.