Lembrança mais antiga

Publié le par alinemariane

- Vai la, Aline, vai ver sua irmazinha.

Essa é a minha lembrança mais antiga. Lembro do rosto do meu pai, da camisa que ele usava, do meu vestido listrado de vermelho com umas florzinhas bordadas, do piso cor de laranja da maternidade.

Entrei. Minha mae estava sentada na cama, ainda tinha um barrigao e estava sorridente. A neném estava numa espécie de berço de acrilico e usava um macacao listrado de rosa choque. Nao tinha cabelo, tinha bochechas enormes e era bem branquinha. Até se pareceria com as minhas bonecas, se nao fosse o fato de se mexer e chorar. Chorar muito, como eu viria a descobrir alguns dias depois.

- Por que ela esta nesse negocio?

- Eh o berço dela, uma caminha bem pequeninha, como ela.

Foi rapido. Logo ja estava do lado de fora do hospital e comentava com o Juninho que a minha irmazinha dormia numa caminha bem pequeninha.

Ela foi pra casa e nunca mais foi embora. Nao sei porquê ninguém nunca me disse que irmazinhas nao vao embora como todas as outras visitas que passaram pela minha casa naquela época. Ela veio pra sempre, pra me dar o titulo de irma mais velha, pra dividir o mesmo quarto e as mesmas lembranças...

Amanha, dia 2 de março, minha lembrança mais antiga completa 24 anos. Eh o terceiro aniversario dela que passamos longe. Saudade.

Parabéns, sis! Muitas felicidades e muitos anos de vida!

Publié dans em português

Commenter cet article

Paulo 09/03/2010 14:04


Viver a Vida é ruim porque não é uma novela... é uma anovela. Não tem mot, não tem história, não acontece nada... é um monte de diálogos vazios e gratuitos. É uma regressão em uma época em que as
novelas são dinâmicas e sofrem reviravoltas a todo o tempo. Tivemos os sucessos de A Favorita e Caminho das Índias... aí vem o Maneco e acaba com a alegria do horário. É muito ruim. Você tem
assistido? he he


Maíra 05/03/2010 12:58


Que engraçado, uma das minhas primeiras memórias de infância também é de ir visitar a minha mãe no hospital quando meu irmão nasceu. Mas não tive a sua sorte: não me deixaram entrar porque eu era
pequena :-p Lembro da minha mãe tentando mostrar o bebê pela janela...

Parabéns pra sua irmã!

beijos


Gisele 03/03/2010 16:57


Oi Aline ! Estou entrando no mundo dos blogs, e adorando ! Tantas coisas que estou descobrindo... E graças ao Porte Dorée ! Ainda estou aprendendo, mas espero estar super criativa logo, logo.
Falando em irmas, puxa, que saudade da minha. Ja passamos 2 aniversarios londe, é dificil. Mas tento ir ao Brasil pelo menos 1 vez ao ano pra recarregar o coraçao.
Bjs e muito prazer !


Sarah 01/03/2010 18:22


êêê, parabéns pra mim!!! =D
Brigada sisss, saudadeee né


Helena 01/03/2010 13:49


Ó, que bonito! Parabéns para a tua mana.