Era uma vez um Djin, que vivia num baobá

Publié le par alinemariane

Quem nao se lembra que o Pequeno Principe tinha que arrancar os brotos de baobas do seu planetinha, com medo de que crescessem e tomassem todo o espaço? A ilustraçao do Saint-Exupery é inesquecivel para mim:

Confesso que conhecer um baoba de perto foi uma das coisas que me deixou empolgada em vir pra Dakar. Fiz questao de chegar bem pertinho dessa arvore tao linda e tirar muitas fotos:
Fiz um circulo em mim, pra vocês perceberem o tamanho do baoba!

Nao é so a beleza, o tamanho e o porte do baoba que me encanta, mas também as historias que estao associadas a eles, muito além do Pequeno Principe.

Quando disse que queria abraçar um baoba, a primeira recomendaçao que ouvi foi: nao suba nele! (Como se eu fosse capaz, ha-ha) As pessoas devem ser respeituosas com um baoba porque ele é a principal moradia dos Djins.

Mas o que é um Djin?! Pois bem, sou uma medrosa-curiosa, dessas que morrem de medo mas mesmo assim procura saber historias que vao me impedir de dormir à noite. Essa historia de Djin é uma delas, por isso adverto outros medrosos-curiosos sobre o que vou tentar explicar logo mais.

Segundo meus amigos, os Djins sao outros seres vivos, criados por Deus (por Allah, no caso) assim como os animais e as pessoas. So que a maior parte das pessoas nao podem vê-los, a nao ser os "videntes" e os bebês. Eles nascem, crescem, reproduzem-se, morrem, comem, dormem, precisam de dinheiro (no caso, ouro), amam, odeiam, tudo como os seres humanos. No geral, vivem bem mais. E, como os humanos, existem os bons e os maus. Segundo eles, os Djins vivem em harmonia com os humanos, mas às vezes confundem os sentimentos. Ha historias de Djins apaixonados por humanos, com inveja, com raiva, com ciumes... E, claro, isso influencia a vida das pessoas! Se nao acha emprego, se vai mal na escola, se o marido trai, se fica triste sem razao, a culpa é dos Djins! E sabe aquele cara bizarro? Pode ser um Djin incorporado em alguém!!

>> Disseram-me que a minha "mania" de lavar os cabelos a cada dois dias pode ser causada por um Djin. Nao gente, é causada pelo cabelo oleoso, mesmo... Sempre lavei todos os dias, so nao faço isso porque nao tem agua! heheh <<

A origem dessa crença é anterior ao islamismo, mas foi bem incorporado por essa religiao. Os Marabous sao uma boa expressao do Islamismo à africana: uma mistura de professor e feiticeiro (ai, pedoem-me pela simplificaçao!!), sao responsaveis pela educaçao religiosa de garotos e ao mesmo tempo podem fazer oraçoes de cura e de milagres para as mais diversas questoes, sempre contando com a ajuda dos Djins. Ainda volto a falar das impressoes de uma brasileira-catolica sobre o islamismo-africano, Ok?!

Conheço apenas superficialmente as religioes afro-brasileiras, mas nao deixo de notar a referência... Espiritos que se incorporam, fazem bem e fazem mal... Sera que o espiritismo kardecista faria o mesmo sucesso por aqui?!

Bem, como boa catolica-brasileira, que mistura tudo sem problemas, comecei a ficar atenta com os Djins. Porque nunca se sabe, nao?!

Publié dans em português

Commenter cet article

Annelise 15/08/2009 02:16

esses Djins são os gênios? uma vez li um harlequim sobre eles e foi mais ou menos o que entendi. Também achei parecido com o espiritismo. beijos e boa sorte com os baobás hehehe (só existem aí no Senegal?)