Dakar, cidade da Teranga

Publié le par alinemariane

Primeiro post de Dakar.

Cheguei na madrugada de domingo. O aeroporto de Dakar parece uma rodoviaria de alguma cidade do interior do Brasil, bem pequeno e simples. Calor e um forte cheiro de praia me fez enfim me sentir em casa, coisa que nao acontecia nesses 5 meses de Europa.

Fomos recepcionados por homens do exército, negroes fardados, quepes vermelhos, com armas gigantes, olhando feio, mandando os passageiros formarem fila para o guichê (sim, o guichê, havia um soh) de imigraçao. Detalhe sordido: tinha acabado de ver "Senhor das Armas" no caminho.

Parecia que tinha alguma festa no Aeroporto e em quase todo o trajeto. Muita, muita, muita gente na rua. Isso que eram quase 2h da manha...

A Teranga, a hospitalidade senegalesa, é realmente uma coisa surpreendente, até para nos brasileiros conhecidos por também sermos calorosos. Todo mundo estava nos esperando, fazendo o cha (outra coisa tradicional), bem vestidos, mesmo a bebê, como se nao fosse 2h da manha. Perguntam mil vezes se você esta bem, se fez uma boa viagem, se esta com fome, se quer beber alguma coisa, se gosta disso, daquilo... até às 4h!

Publié dans em português

Pour être informé des derniers articles, inscrivez vous :

Commenter cet article